Questo sito usa cookie per fornirti un'esperienza migliore. Proseguendo la navigazione accetti l'utilizzo dei cookie da parte nostra OK

Série Cantares: Concerto com Rosaria Angotti e Luciano Bellini

Data:

20/05/2022


Série Cantares: Concerto com Rosaria Angotti e Luciano Bellini

A voz é o destaque na série musical Cantares da Sala Cecília Meireles, que contará com a participação de Rosaria Angotti (Soprano) e Luciano Bellini (Piano). Os músicos italianos interpretarão um repertório dedicado a de Bellini, Castelnuovo Tedesco, Pizzetti, Tosti, Respighi.

 

Rosaria Angotti

Rossaria Angotti graduou-se em piano no Conservatório de Música Santa Cecília de Roma sob a orientação de Benigno Benigni e Francesco Martucci. Estudou canto e se formou com nota máxima no Conservatório A. Casella de L'Aquila, sob a orientação de Antonella Cesari. Seu repertório vai do século XVIII à música contemporânea do século XX, do lieder à música de câmara italiana e francesa, com maior profundidade na ópera e no bel canto do século XVIII.

 

Luciano Bellini

Pianista, maestro e compositor com grande experiência nacional e internacional. Lecionou em L'Aquila no Conservatório A. Casella onde foi professor titular do curso de Piano Principal, do Curso Experimental de Composição Extemporânea e do mestrado anual Solista com Orquestra.

O perfil musical de Luciano Bellini é complexo e multifacetado. Com uma abordagem clássica mas não estritamente académica, apoiada numa sólida formação humanística, o seu retrato como artista caracteriza-se por uma abordagem curiosa e encantada às mais díspares épocas, estilos e linguagens, com a determinação de romper fronteiras e saltar as cercas de todos os gêneros forçando-se a internalizar e reelaborar seus conteúdos e formas, procurando, e muitas vezes encontrando, fios misteriosos que unem épocas e culturas distantes no espaço e no tempo, tanto como intérprete quanto como autor.

Suas composições muitas vezes contam uma história, têm o ritmo profundo da narrativa e expressam um forte desejo por teatro e imagens. Devido a esta vocação natural de sair do leggio (estante para a partitura), a música de Luciano Bellini tem-se manifestado muitas vezes em várias obras de teatro musical e em muitas coreografias; contou mitos, lendas e contos xamânicos através de grandes afrescos sinfônico-corais, deu voz a muitos poemas contemporâneos tanto de ilustres poetas quanto de imigrantes e de pessoas marginalizadas, descreveu e cantou sons e cores de culturas distantes, muitas vezes dando voz aos pobres, aos diferentes e ao sul do mundo.

Já dirigiu orquestras sinfónicas e de câmara nos cinco continentes, prestou curadoria a mais de 150 estreias mundiais entre repertório lírico, sinfônico e sinfônico / coral. Se apresentou como solista em todo o mundo, propondo frequentemente o repertório clássico e contemporâneo italiano.

 

Um artista a 360° que sabe viver e criar música em todos os seus aspectos ...

- Landa Ketoff (La Repubblica, 1989)

 

Não há dúvida de ato de compor de Bellini não se encontra fechado em seu estúdio, mas aberto a todas as solicitações do presente social, e especificamente à questão dos imigrantes e oprimidos; a grande força de sua música está nessa verdade, que te pega pela garganta, e que, para te emocionar, se utiliza apenas de pequenos toques habilidosos, de sons que caem levemente como uma lágrima ou um sorriso ...

- Renzo Cresti (Música Presente, 2019)

 

* * * * *

 

Realização:

Sala Cecília Meireles

Istituto Italiano di Cultura

 

* * * * *

 

Série Cantares: Concerto com Rosaria Angotti e Luciano Bellini

 

Data: 20 de maio de 2022

Horário: 19h

Onde: Sala Cecília Meireles - Rua da Lapa, 47 - Centro

Entrada: Bilheteria

Informações

Data: Sex 20 Mai 2022

Entrada : Bilheteria


Tags:

Musica

1231